Header Ads

Heróis não reconhecidos: Filius Flitwick.


Em primeiro lugar e antes de tudo, Filius é um educador. Sua longa carreira que retrocede ao tempo em que Severo Snape e James Potter eram alunos, distingue-se por um amor pelo conhecimento e por um desejo de passar suas habilidades para gerações de alunos de Hogwarts. Embora seja frequentemente retratado como um personagem amável, inofensivo, Flitwick foi um recurso essencial para a história. E aqui estão os porquês.

Ele parece amar genuinamente seu trabalho

Ele estava tão excitado de lecionar a Harry Potter que ele deu um grunhido bem audível quando leu o nome do jovem bruxo na chamada pela primeira vez. De fato, foi ele que ensinou a turma de Harry, o feitiço de Convocação que permitiu o Menino que Sobreviveu a ganhar a primeira de suas tarefas do Torneio Tribruxo. Ele também ensinou maravilhosamente bem como transformar vinagre em vinho e o Feitiço da Alegria (que existe simplesmente para fazer as pessoas felizes). Ele também ensinou o Feitiço do Banimento e mesmo que o pobre Neville Longbottom tenha errado a mira e arremessado o diminuto mestre pela sala, Flitwick encarou a situação com sua paciência de costume.

Outras de suas boas ações são poupar os alunos menos dotados-preferindo passar dever de casa extra do que puni-los - Flitwick sempre fez um ponto especial de recompensar boas performances com palavras carinhosas. "Oh, bem-feito!" ele murmurou quando Hermione executou com perfeição o básico feitiço da Levitação. "Todo mundo veja aqui, a senhorita Granger conseguiu! "


Essa atitude amigável se contrasta com professores mais sérios como Snape ou McGonagall. Como diretor da casa Corvinal, Flitwick era conhecido por sempre manter sua porta aberta a qualquer um de seus pupilos que achassem a vida escolar complicada. Quando Hermione estava triste por causa de sua performance nos exames, Flitwick ficou feliz de lhe dar a notícia de que ela não apenas tinha passado, como tinha passado com 112% de aprovação. Como Fred Weasley uma vez observou: "bom e velho Flitwick... normalmente passa todo mundo em seus exames." Nem metade.

Ele torna Hogwarts um lugar melhor

Seu comportamento alegre também se expressava em criatividade. Durante o Natal ele se deliciava em montar a decoração e até mesmo empregou fadas vivas para a diversão. Ele nem se importava em permitir que seus alunos jogassem alguns jogos em sua aula antes do Baile de Inverno. De fato, nem importa o quê seus alunos aprontassem, Flitwick sempre aprecia uma demonstração de habilidade. Por exemplo, quando Fred e George Weasley fugiram de Hogwarts deixando um Pântano Portátil no corredor de sua sala, Flitwick teve o cuidado de preservar uma pequena parte quando foi encarregado de tirá-lo, apenas porque era "uma demonstração admirável de magia".


Mas não é nenhum fracote

Mas não seja enganado a pensar que o Mestre dos Feitiços era um maricas - quando se trata de defender Hogwarts ele era implacável. No nível mais sutil, quando Dolores Umbridge assumiu como diretora de Hogwarts, ele continuou ensinando da sua maneira impecável-de novo, Flitwick é um educador acima de tudo. Mas quando Fred e George soltaram fogos de artifício na sala dele, o astuto diretor da Corvinal preferiu deixar Umbridge perder seu tempo tentando se livrar deles, mesmo sendo capaz de fazer isso sozinho. Conforme o confronto final com os Comensais da Morte foi se aproximando, Flitwick usou seus talentos consideráveis para lançar uma série de complexos feitiços de proteção (como o Protego Horribilis) Quando o castelo estava receando receber uma visita de Sirius Black, Flitwick ajudou a incrementar a segurança do castelo ao ensinar as portas de carvalho a reconhecerem uma foto do foragido de Azkaban. Quando Filius acordou após ser estupefado por Snape ele correu de volta ao trabalho. No clímax da batalha final, o ex-campeão do clube de duelos derrotou Antônio Dolohov- um feito, como Dolohov já tinha derrotado o formidável Alastor Moody e matado Remo Lupin.


Em suma, o gentil meio-goblin exemplificava as virtudes de diligência, criatividade e defesa ferrenha da escola. Então vamos fazer um brinde de sua bebida favorita - a apropriadamente excêntrica xarope de cereja e soda com gelo e um guarda-chuva - a Filius Flitwick. Cada mês o Pottermore vai dar um destaque a um personagem da história que achamos que merece mais crédito. Volte mês que vem quando celebrarmos Bichento.


[+] Traduzido do site Pottermore.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.