Header Ads

Confirmado: J.K. Rowling continua reescrevendo Animais Fantásticos 3


O jornal Los Angeles Times recebeu uma entrevista com Kevin Tsujihara, CEO da Warner Brothers. Nela, Tsujihara falou sobre Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald e sua continuação. O Los Angeles Times perguntou a Tsujihara o que fez com que Os Crimes de Grindelwald "não se saísse tão bem quanto o esperado". O líder da Warner Brothers respondeu o seguinte:

O segundo filme não teve o mesmo desempenho que o primeiro, mas acho que sabemos o que precisamos fazer para tornar o terceiro filme mais promissor do que o primeiro, e J.K. Rowling está trabalhando duro agora nesse terceiro roteiro, e vamos fazer o certo, ela tem uma visão incrível de onde ela quer ir com isso e é incrivelmente emocionante.

Com esses comentários, Kevin Tsujihara deixa claro que J.K. Rowling desapareceu da esfera pública para continuar trabalhando no roteiro do terceiro filme Animais Fantásticos. Esta poderia ser a razão pela qual o terceiro filme de Newt Scamander atrasou tanto a sua gravação que não será lançado antes de 2021. Logo depois de dizer tudo o que precede, Tsujihara insinuou que levou a sério as críticas negativas de Os Crimes de Grindelwald, que se queixaram da abundância de sub-tramas e da capacidade do filme para confundir aqueles que não conhecem estas tramas profundamente. Eles conhecem o mundo mágico de antes:

A parte mais difícil da franquia é que você tem uma base de fãs muito forte, e a base de fãs realmente conhece o folclore do Mundo Mágico e eles querem se aprofundar nesses personagens, mas o que você não quer fazer é intimidar as pessoas. Você quer ser capaz de criar um filme que se levante por conta própria e que seja agradável para alguém que não tenha entrado no folclore previamente.

Claramente, J.K. Rowling recebeu a tarefa de polir o roteiro de Animais Fantásticos 3 para evitar a repetição do destino de seu antecessor. O filme Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald teve uma coleção global de 653 milhões de dólares (265,7 milhões a menos que a média do resto da saga), o que fez dele o filme do Mundo Mágico com menos bilheteria, apesar de também ser a décima maior bilheteria de 2018.

Felizmente, as declarações de Tsujihara confirmam que a Warner Brothers continua a confiar no potencial de Animais Fantásticos, e que o estúdio planeja fazer todo o necessário para desbloquear e expandir esse potencial.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.