Header Ads

Ian McKellen se pronuncia sobre Hollywood e a homossexualidade de Dumbledore.

Photo credit: Getty

Faltam poucos meses para a estreia de "Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald", e nesse meio tempo monótono e sem muitas novidades desde o lançamento oficial do trailer e algumas informações adicionais liberadas, voltamos para o centro da polêmica que envolve a franquia, que é o fato de J.K. Rowling e a Warner Bros. ignorar publicamente a homossexualidade de Alvo Dumbledore.

Na semana passada, Sir Ian McKellen, figura importante das causas LGBTQ, e o ator que imortalizou o personagem de Gandalf nos filmes de "O Senhor dos Anéis" e de "O Hobbit", concedeu uma entrevista a Time Out, onde comentou sobre a decisão da Warner Bros. de não trabalhar a relação entre Dumbledore e Grindelwald, deixando a homossexualidade do personagem no armário. Na entrevista, Sir Ian McKellen criticou a omissão da Warner Bros. e salientou que não é nenhuma novidade que Hollywood escolha não abordar o tema.

As pessoas vêm até mim e dizem: 'Meu filho viu todos os filmes de Harry Potter'. Eles acham que sou Michael Gambon.

Veja o trecho da entrevista que traduzimos, abaixo:

https://www.timeout.com/london/film/ian-mckellen-on-coming-out-in-hollywood-the-hobbit-and-not-being-dumbledore

Fiquei intrigado ao ouvir que as pessoas acham que você fez o papel de Dumbledore nos filmes de Harry Potter.
'As pessoas vêm até mim e dizem:' Meu filho viu todos os filmes de Harry Potter 'porque acham que sou Michael Gambon. Quando Richard Harris estava doente, perguntaram-me se eu consideraria estar nos filmes [como seu substituto] e eu disse "Absolutamente". Mas eu nunca ouvi mais nada sobre isso. Antes da morte de Richard Harris, ele tirou um tempo para dizer ao mundo que achava que certos atores eram um desperdício - e meu nome estava nessa lista bastante curta com o nome de Kenneth Branagh. Eu estava em boa companhia.

Você contou a Michael Gambon sobre a confusão?
'Eu perguntei se ele alguma vez ficou confuso assim como eu. Ele disse: "Urgh, o tempo todo." Perguntei o que ele faz. Ele disse: "Oh, eu apenas assino seu nome".

O jovem Dumbledore não é explicitamente gay no novo filme de 'Animais Fntásticos'. Por que você acha que há poucos personagens gays em blockbusters?
Ele não é? É uma pena mesmo. Ninguém procura por comentários sociais em Hollywood, não é mesmo? Eles só descobriram que existem pessoas negras no mundo recentemente. Além de ter maltratado as mulheres de todas as formas possíveis ao longo dos anos. Para eles, gays não existem. Acho que 'Deuses e Monstros' [1998] foi o começo da admissão de que existiam pessoas gays à espreita, apesar de metade de Hollywood ser gay.

A sequência de "Animais Fantásticos e Onde Habitam", dirigida por David Yates e escrita por J.K. Rowling, estreia no Brasil em 15 de novembro de 2018. Os seguintes detalhes do enredo foram lançados pela Warner Bros. sobre a segunda parte do filme, que chega aos cinemas e no IMAX em novembro de 2018.

J.K. Rowling escreveu o roteiro do filme, que se abre em 1927, alguns meses depois que Newt ajudou a revelar e capturar o infame mago das trevas Gerardo Grindelwald. No entanto, como ele prometeu, Grindelwald fez uma fuga dramática e reuniu mais seguidores que elevam a causa acima de todos os seres não-mágicos. O único que conseguiu detê-lo é o bruxo que ele já chamou de seu amigo mais querido, Alvo Dumbledore. Mas Dumbledore precisará de ajuda do mago que frustrou Grindelwald uma vez antes, o ex-aluno Newt Scamander. A aventura reúne Newt com Tina, Queenie e Jacob, mas sua missão também testará suas lealdades à medida que enfrentam novos perigos em um mundo de bruxas cada vez mais perigoso e dividido.

O elenco principal para "Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald" inclui Callum Turner e Eddie Redmayne, com Katherine Waterston (Tina Goldstein), Alison Sudol (Queenie Goldstein), Dan Fogler (Jacob Kowalski), Ezra Miller (Credence Barebone), Zoe Kravitz (Leta Lestrange), Johnny Depp (Gellert Grindelwald), Kevin Guthrie (Abernathy) e Jude Law (Alvo Dumbeldore).

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.